Por favor, preencha a atmosfera com a vibração sublime dos Santos Nomes:
Hare Krsna Hare Krsna Krsna Krsna Hare Hare Hare Rama Hare Rama Rama Rama Hare Hare

sexta-feira, 28 de outubro de 2011

Os Sete Corpos



Os Sete Corpos

Os Sete Corpos ou Níveis de Consciência

Atualmente a ciência materialista considera o homem apenas em seu aspecto físico, sem levar em conta a existência dos mundos supra-físicos. Outros crêem que somos duais, que temos corpo e alma. Há outros ainda, que admitem a existência do corpo da alma, e do espírito.

Todo o agregado espiritual se divide em níveis de consciência, que nada mais são do que arquivos de memória, informações que o ser, no decorrer de toda a sua evolução arquivou. São conhecimentos bons ou ruins, sentimentos como o amor ou o ódio, as diversas reações quando se depara com algumas situações, enfim, tudo o que possa servir para o seu crescimento espiritual e o aumento da capacidade de discernimento entre as coisas boas e más.

Observamos que o cérebro físico não consegue interpretar por completo o "assombroso" conhecimento que os níveis de consciência detêm, tornando a criatura encarnada, muito frágil e suscetível a traumas e complexos, que são gerados por informações de experiências mal sucedidas e, às vezes, trágicas.

Analisando estes detalhes, e nos fundamentando na multiplicidade das encarnações, pela qual o homem passa, temos a absoluta certeza de que muitas dessas experiências boas ou más, adquiridas na noite dos séculos, de alguma forma, em maior ou menor grau, conseguem ser interpretadas pelo cérebro do encarnado, na forma de fantasias, pensamentos, desejos, frustrações, automatismos, etc., explicando aí, a diferença de personalidade entre os encarnados.

 ”O que pensa acerca de certos espíritas que, apesar de se dizerem estudiosos, não aceitam a existência do corpo mental, mas somente a do perispírito e do corpo vital ou duplo etérico?

A cautela quanto a certas inovações ditas mediúnicas não deve fechar as portas da revelação e do progresso, características básicas da doutrina espírita. Acreditamos que, ao abordar questões tão transcendentes, qualquer negativa sistemática ou pensamento fechado, sem abertura para os progressos do conhecimento, corre o risco de se caracterizar como uma postura anti-científica. Bom senso não é rejeitar qualquer inovação, tampouco adotar tudo sem exame metódico. Ao investigador da alma cabe, sobretudo, buscar a medida do equilíbrio, o que se obtém com estudo e pesquisa sem prevenções, conservando a mentalidade aberta para apreender o desconhecido - exatamente do modo como fazia nosso irmão Allan Kardec. - Josef Gleber - Consciência - Robson Pinheiro.


Os Sete Níveis ou Corpos

Corpo Físico: É o instrumento da manifestação, experimentação e aprendizagem do Espírito, no mundo material. Nele, somatizam-se os impulsos desarmônicos oriundos dos demais corpos, níveis ou subníveis de consciência; em forma de doenças, desajustes ou desarmonias, que são simples efeitos e não causa.

Duplo Etérico: Envolve o corpo físico. De estrutura tênue é invisível ao olho humano. Proporciona os fenômenos espirituais que envolvem manifestações de ordem física, como materializações e transporte de objetos, através de um material chamado ectoplasma, fornecido por médiuns de efeito físico. O Duplo Etérico funciona como mediador plástico entre o corpo astral e o corpo físico. Tem a mesma estrutura do corpo físico. Possui individualidade própria, mas não consciência. Dissocia-se do corpo físico logo após a morte e, dissolve-se em questão de horas.
Campo energético apropriado entre o Perispírito e o Corpo Físico, é semi-material, formado duma matéria mais grosseira que o Perispírito e mais sutil que o Corpo Físico.
Este é o corpo onde estão as energias são distribuídas do espiritual para o físico e vice-e-versa, é considerado o mantenedor energético, uma verdadeira usina de energia. Distribui as energias vitalizantes pelo corpo físico. Por isso também é chamado de Corpo da Vitalidade
É por onde as energias espirituais "condensam" em direção ao corpo.
É uma espécie de capa fina, sobre a pele, de matéria etérica que forma o magnetismo humano.

Corpo Astral - Perispírito: Tem a forma humana e é o invólucro espiritual mais próximo da matéria. É através do corpo astral que os Espíritos se manifestam, na dimensão do astral em que se encontram, e podem ser percebidos na vidência. Não possui a mesma densidade em todas as criaturas humanas. Quanto mais evoluído o Espírito, menos denso é o corpo astral. Sua forma pode ser modificada pela vontade ou ação de energias negativas auto-induzidas. A maioria das incorporações se dá através do corpo astral. Sofre moléstias ou deformações decorrentes de vícios humanos ou a prática persistente do mal. Separa-se facilmente do corpo físico durante o sono, ou por indução, tanto pela vontade da mente de um encarnado, como por ação de fortes traumatismos.
Este é o corpo onde está a sensibilidade geral - Instinto - Emoções, paixões e sentimentos.
Este é o corpo onde estão as energias criadas pelos nossos sentimentos.
Este é o corpo onde estão as energias criadas pelos sentimentos negativos, vícios, paixões e problemas emocionais.

Corpo Mental Inferior: É sede da consciência, da inteligência, da associação de idéias, do raciocínio e da percepção. É o primeiro banco de dados onde a mente física busca as informações que necessita. Registra tudo que, externamente, impressiona o sistema nervoso. Está relacionado ao Ego Inferior.
Em desequilíbrio gera sérias dificuldades comportamentais como comodismo, vícios, busca de prazeres mundanos, entre outros.
É onde se formam os pensamentos concretos lógico, preciso, exato, específico e consistente Ex. casa branca, rosa vermelha, carro, etc.
Atividades rotineiras da vida humana.
É onde reside a Inteligência, mentalidade, reflexão, raciocínio, associação de idéias, percepção.
Este é o corpo onde estão as energias criadas pelos nossos pensamentos.

Corpo Mental Superior: Memória criativa. É o segundo banco de dados de que dispõe o ser. Elabora princípios e idéias abstratas. Ocupa-se de estudos e pesquisas, visando o aprimoramento do ser. É, ao mesmo tempo, sede das virtudes e de graves defeitos. Arquiva a manifestação da riqueza e do poder e seus desequilíbrios relacionam-se à falta de tudo que possa atrapalhar a ambição. É a sede da vontade e do domínio. Nele convivem o orgulho e a vaidade, o apego ao poder e ao mando.
É onde residem a vontade, desejos, força, imaginação, determinação.
Este é o corpo onde estão as energias criadas pela nossa vontade, desejos, força, imaginação, determinação.

Corpo Búdico: É o corpo que está mais próximo do Espírito. É o verdadeiro perispírito, ao final de processo evolutivo, quando os demais a ele se fundiram. É o grande banco de memórias do Espírito. Atemporal. Nele, as experiências positivas ficam arquivadas e tornam-se patrimônio do Espírito. As experiências negativas são reenviadas à personalidade encarnada para serem trabalhadas em novas oportunidades evolutivas. Os impulsos daí procedentes terão efeitos somatizados no Corpo Físico ou repercutirão no psiquismo da Personalidade encarnada.
Banco de dados da consciência, núcleo da consciência, onde está gravado os dados relativos a nossa evolução.

Corpo Átmico ou Centelha Divina: Representa o Espírito Puro, a Essência Divina. Corpo que contém o modelo eterno e perfeito do que existe. Inexplicável, indescritível, imanente, transcendente, eterno. O Corpo Físico e o Etérico são materiais, que se perdem pelo fenômeno morte. Os demais são Espirituais e o ser os vai abandonando, gradativamente, na medida em que evolui, até se tornar Espírito Puro.
Espírito Essência ou Centelha Divina.
Mônada ou Semente pulsante de vida.
Eu Cósmico.


Grupo Espiritualista de Ajuda - GEA