Por favor, preencha a atmosfera com a vibração sublime dos Santos Nomes:
Hare Krsna Hare Krsna Krsna Krsna Hare Hare Hare Rama Hare Rama Rama Rama Hare Hare

domingo, 24 de abril de 2011

ESTADO VIBRACIONAL

Estado Vibracional (EV): Condição técnica de dinamização máxima das energias do holochacra, através da impulsão da vontade. Esta é a definição encontrada no tratado sobre experiências fora do corpo, Projeciologia, escrito pelo conscienciólogo Waldo Vieira.
Inicialmente para dominar a técnica do estado vibracional, devemos realizar tarefas práticas com disciplina e dedicação. Muitas pessoas tem resultados imediatos, por já apresentarem níveis mais sutis de percepção. No entanto, alguns tem maiores dificuldade devido há habitos que densificam as vibrações, como uma má alimentação, falta de atividades físicas e o stress da vida “babilônica”. Com esta técnica, todos podem sentir as energias de nossa consciência, e controlar o seu fluxo dentro de nossos veículos mais densos.
Depois que aprendemos a dominar a energia consciencial, o estado vibracional pode ser utilizado constantemente, mantendo as energias alinhadas, irradiando a própria energia para o ambiente e recebendo as energias mais sutis, direcionadas até nós pelos sete raios, com os quais trabalham nossos irmãos amparadores. Esta técnica é a profilaxia energética mais eficiente, que cria uma proteção, como um escudo eletromagnético, que impede a interação com as energias de baixa frequência de luz.

Primeira Etapa: Relaxamento básico – 5 minutos

Este relaxamento é bem simples e rápido. Para que possamo perceber nossas energias mais sutis precisamos nos abster das percepções dos sentidos físicos. Para iniciar o estado vibracional podemos realizar uma técnica essênia das sete respirações, em conjunto técnicas dos passes mágicos descritos por Carlos Castañeda.


Segunda Etapa: Estado Vibracional – 5 à 15 minutos

Nesta segunda etapa devemos buscar a posição mais confortável possível,com roupas leves e folgadas e com uma temperatura agradável. Preferencialmente devemos nos sentar em posição de lótus, ou com as pernas cruzadas, mantendo a coluna ereta e contraindo levemente as costas e o abdomen para que a postura de alerta seja mantida. Se esta posição não for comoda, podemos nos sentar em uma cadeira de espaldar reta, preferencialmente sem enconstar as costas, mantendo também uma postura ereta. Esta postura mantém a consciencia desperta, facilitando o alinhamento dos chacras e sua conexão com a consciência cósmica. Em último caso, se ainda não estiver confortável os suficiente, podemos estar deitados em decúbito dorsal, com os braços repousando ao lado do corpo sem cruzar as pernas. O decúbito dorsal é fundamental na próxima técnica apresentada. O estado vibracional também pode ser realizado em pé, sendo que para isso ocorra a pessoa deve estar com uma boa postura, a coluna ereta, a cabeça firme e os braços soltos ao lado do corpo.
Depois de encontrar uma posição confortável, trabalharemos com a respiração. Para começar o exercício devemos inspirar profundamente. Em cada inspiração, devemos nos tornar conscientes do ar que entra em nossos pulmões. Registre em seu cérebro todas as sensações, todas as percepções. Estas respirações profundas irão trazer maiores quantidades de oxigênio para o nosso corpo, potencializando os efeitos curativos em todas as células. Quando soltar o ar, deixe sair com a expiração todos seus problemas, angústias, medos e inseguranças. Fazendo este exercício por algumas vezes já nos sentimos mais leves e harmônicos.
Após esta harmonização inicial, devemos através do poder da vontade perceber e direcionar nossas energias. Começamos por sentir o chacra da coroa. Nos concentramos em perceber a abertura energética por onde flui toda a energia cósmica até nós. Neste momento é muito comum visualizar uma luz branco-dourada, irradiando energias diretamente ao nosso cérebro. Concentre esta energia dourada, de amor e sabedoria em seu chacra coronário por alguns instantes, potencializando essa vibração, e ativando completamente o cérebro.
Com nosso cérebro energizado, enviamos lentamente a energia cósmica recebida, transmutando e purificando todos os chacras. Esta energia universal é canalizada através da chama violeta, que foi ativa ao concentrarmos as energias no chacra coronário. Esta chama “queima” todas nossas imperfeições, nos purificando, o que ocasiona o alinhamento dos chacras. Ocasionando a abertura das sete chaves, a energia é novamente acumulada na outra extremidade, o chacra básico ou raiz.
É através desta raiz que recebemos as energias telúricas, canalizadas das forças intraterrenas que nutrem o plano físico tridimensional. Ao canalizar esta energia, podemos realizar a cura de nosso veículo físico, emocional e mental, acessando as energias do amor puro, que ocorre na fusão destas três dimensões. Após acumular esta energia por alguns instantes, direcionamos esta energia novamente para o chacra da coroa. Em sentido ascendente as energias de nutrição da Mãe Divina, (Terra ou Kundalini) vão revigorando cada um dos chacras, expandindo as percepções para novos níveis dimensionais. Quando esta energia retorna à coroa, ocorre uma fusão completa, o complemento divino ou alma gêmea está atuando internamente, e se possibilita receber a energia da unidade, ou CRISTO.
Após esta fusão o chacra da coroa e o raiz criam uma conexão universal, conhecida como ponte do arco-íris. Nesta conexão é criado um circuito interno de energias, onde as energias fluem nos sentidos descendente e ascendente, despertando todos os chacras, que vibram em perfeita ressonância com a vibração da unidade, o amor incondicional. Neste momento de estado vibracional, nos tornamos o amor incondicional vivo, encarnado. Esta foi uma das tarefas que o mestre Jesus veio nos ensinar.
As técnicas da Kriya Yoga seguem fundamentos muito parecidos, assim como diversas linhas do conhecimento ancestral, praticam conscientemente este estado de vibrações onipresentes, onipotentes e oniscientes, o objetivo máximo de evolução da consciência. Através deste estado, atuamos como “pequenos Sóis” irradiando as energias de amor e sabedoria. Esta é nossa missão básica como seres humanos.
Nesta dinamização máxima de energias, facilitamos o acesso ao campo Teta-Delta, aonde ocorrem os fenômenos multimensionais, como a projeção da consciência.